Ostara

Equinócio do Primavera – Equilíbrio e Gratidão

OstaraOcorre em torno de 21-22/set. no hemisfério sul e 21/março no hemisfério norte. Nesse momento a Terra desperta, se renova e se equilibra.

O hemisfério Norte recebe no dia do Equinócio a mesma quantidade de luz que o Sul; dia e noite têm a mesma duração.A partir do Equinócio do Outono, o Sol estará mais perto do pólo Sul da Terra. No hemisfério Norte, as noites aumentam e os dias ficam mais curtos. Tudo na vida se vira mais para dentro. Avançamos do Verão – altura de expansão, crescimento, acção, da energia masculina “Yang” – para o território de dentro. Viramos para “Yin” – a energia feminina, intuitiva, receptiva, criativa. A viagem para dentro vai culminar no Solstício do Inverno e chegar a fim no Equinócio da Primavera, quando a energia vira novamente, desta vez de dentro para fora…

Ostara, também conhecida como Eostre (Deusa Anglo-Saxã, que significa Deusa da Aurora) ou Easter (páscoa, em inglês), pois a pascoa no hemisfério norte é realizado nesta época, são deusas da primavera, da ressurreição e renascimento e tem como símbolo o coelho. O sabbath de Ostara foi cristianizado na páscoa, ambos tendo o coelho e os ovos como símbolo de renascimento e renovação.
Nessa época a terra e nós despertamos para uma nova vida, de amor, de tomada de decisões, de equilíbrio…
Os alimentos pagãos tradicionais do Sabbat do Equinócio da Primavera são os ovos cozidos, os bolos de mel, as primeiras frutas da estação em ponche de leite. Na Suécia, os “waffles” eram o prato tradicional da época.

Incensos: violeta africana, jasmim, rosa sálvia e morango.
Cores das velas: dourada, verde, amarela.
Pedras preciosas sagradas: ametista, água-marinha, hematita, jaspe vermelho.
Ervas ritualísticas tradicionais: bolota, quelidônia, cinco-folhas, crocus, narciso, corniso, lírio-da-páscoa, madressilva, íris, jasmim, rosa, morango, atanásia e violetas.

Ostara winter“Abençoada seja a deusa da fertilidade,
Abençoado seja o rito da primavera.Abençoado seja o rei que é o deus sol ,
Abençoada seja a sua luz sagrada.”
O Sol cruzou o equador,
Dando a Lua horas iguais no dia.
A fonte da Deusa é afinal renascida,
A sua beleza dá a vida
Para as árvores e flores.
Abençoada seja a deusa verde divina
Ela é a fonte de todas as coisas vivas.
Abençoado seja o do verde esplendor
É primavera! Espalhe flores por onde passar!!!
Anúncios
Categories: Antiga Arte | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: