Filha de Iansã


Minha história com a Umbanda iniciou na infância, onde era levada pela minha mãe mas festas de crianças. Devia gostar porque voltei várias vezes….rs
Passei uma fase onde nem passava na calçada de uma terreira e, anos depois descobri que era puro medo de gostar e aceitar o chamado do tambor.

Em meados de 1998 a convite da minha primeira grande mestra Maria Izabete para ir a praia ver a Iniciação do Mar…. tinham 2 filas, uma para quem ia se iniciar e outra para que ia fazer o descarrego.
Hora eu estava numa fila e hora na outra, e foi assim até chegar a minha vez… então optei por me iniciar!

Sempre digo, caí de paraquedas na Umbanda! Pois o próximo encontro com o grupo foi,  para mim, ainda mais confuso e mágico! Lembro que ao final de dois dias de trabalho chorei por umas 2 horas sem parar, tamanha a minha emoção!
Dentro outras linhas e ensinamentos que recebi, há 3 anos optei pela Umbanda, não poderia ter sido diferente…

Hoje sou:

Grata aos meus mestres e irmãos de Umbanda,

Grata ao aprendizado que busquei e encontrei,

Grata a força que recebi e sigo recebendo,

Grata  proteção que o Ilê oferece a toda minha família,

Guerreira!

Anúncios

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: